MONSANTO INICIA O PROJETO "LIMPANDO OS COFRES DO BRASIL"


Por Olimpio Araújo Junior*


Já foi dada a largada. A Monsanto finalmente iniciou legalmente o processo para "sugar" os lucros dos ingênuos agricultores que plantaram soja transgência acreditando em um lucro fácil.

Executivos da Monsanto anunciaram ontem que a empresa cobrará royalties, ainda na safra 2003/2004, dos agricultores que plantaram sementes de soja transgênica de sua propriedade, a Roundup Ready.

Apesar do valor ainda estar sendo negociado, o pagamento dos royalties deverá ser feito no momento da comercialização e o valor vai ser definido depois da aprovação da Medida Provisória 131/03, que permite o plantio da soja transgênica no País. A estimativa é de que o produtor tenha de desembolsar de R$ 1 a R$ 1,5 por cada saca de 60 quilos do grão. A cobrança seria feita a partir da próxima safra. Os agricultores argumentam que parte das sementes veio da Argentina, mas como já era previsto, qualquer semente identificada com o material genético da Monsanto precisará pagar, mesmo que tenha sido polenizada. Isso renderá Muitos milhões de dólares (estima-se que algo em torno de 600 milhões), que ao invés de ficar em nosso país, gerando renda e movimentando a economia, vai para os bolsos sujo e inescrupulosos d a Monsanto.

O presidente da Monsanto, Richard Greubel, afirmou que o investimento da multinacional em biotecnologia, que é de um milhão de dólares por dia em pesquisas, justifica a cobrança de royalties. "Nossa intenção, como acontece em todos os países onde atuamos, é deixar a maioria do valor da tecnologia com o produtor, e depois a Monsanto vai ficar com um percentual desse valor real pela tecnologia agregada".

Como eu e milhares de outros ambientalistas do Brasil e do mundo já haviam afirmado, isso prova que quem vai realmente ficar com o lucro da agricultura a partir de agora é a Monsanto. Começa com uma pequena cobrança (pequena apenas se comparadas com as futuras, é claro!), depois, quando só existir soja transgência, eles cobrarão o quanto quizerem.

Durante o encontro, o presidente da Monsanto apresentou aos deputados, além de planilhas de custos operacionais da empresa,  documentos confidenciais que mostram um mapeamento dos locais onde a soja geneticamente modificada está sendo plantada no Brasil. Como podemos observar, até nossa soberania já está sendo atacada, pois uma empresa Multinacional tem mais controle sobre nosso território do que nosso próprio governo.

Espero que eu esteja errado, mas ainda vamos amaldiçoar o dia em que a Monsanto entrou pela primeira vez em nosso território, e acredito sem sombra de dúvidas que estes ingênuos agricultores que hoje "pensam"que estão ganhando dinheiro, ainda vão chorar muito pelo seu erro. Ninguém deseja isso, muito pelo contrário, e é por isso que lutamos contra a liberação dos transgênicos, mas os fatos são tão evidentes que só não enxerga quem não quer.

*Olimpio Araújo Jr. ­ Coordenador Nacional da Rede de Informações Ambientais AMBIENTE TOTAL ­ www.ambinetetotal.cjb.net .

Leia Mais:

Banco Central     Associe-se
Próximo Nó

Orgânico