Comissão vai investigar morte de trabalhadores por agrotóxicos

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realizará audiência pública para avaliar denúncia de que 15 trabalhadores rurais morreram envenenados por agrotóxicos utilizados no plantio de soja na região dos Cerrados Piauienses, no Piauí. O requerimento da audiência, de autoria de João Alfredo, foi aprovado hoje pela Comissão.

De acordo com a denúncia da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag), as mortes ocorreram no período de um ano, vitimando sobretudo trabalhadores do município de Ribeiro Gonçalves. A Fetag afirma também que os agrotóxicos tem causado cegueira e doenças e contaminado os rios daquele município, matando peixes.

A necessidade de providências em nível federal levou João Alfredo a propor a audiência, da qual participarão representantes do Ministério do Meio Ambiente; secretarias de Meio Ambiente e Saúde do Estado do Piauí; Delegacia Regional do Trabalho do Piauí; Fetag/PI e Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ribeiro Gonçalves.

Fonte: Boletim do Deputado Federal João Alfredo em 06/12/2005

 


Leia Mais:


Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Cardoso e L&C Soluções Socioambientais.

Siga-nos Twiiter rss Facebook "Whatsapp 88 9700 9062" Google+