Ibama multa Basf em R$ 470 mil por agrotóxico irregular

SÃO PAULO - Duas filiais da empresa Basf foram autuadas por produção e comercialização de agrotóxicos em desconformidade com a licença obtida, durante operação do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O valor das multas aplicadas chegam a mais de R$ 470 mil.

A empresa tem 20 dias a contar da aplicação da penalidade administrativa para apresentar defesa ao Ibama. Até o momento, a operação apreendeu 99 sacos de 15 kg do agrotóxico Granutox 150 G, armazenados na empresa em Ibiporã, no Paraná.

Amostras do produto foram encaminhadas para análise. A fiscalização continua em outras empresas que trabalham com agrotóxicos nos estados do Paraná, São Paulo e Minas Gerais, segundo o Ibama.

Participam da operação agentes ambientais federais do Ibama de Uberlândia, em Minas, Curitiba, no Paraná e São Paulo, que com a colaboração de equipe técnica da Diretoria de Qualidade Ambiental do órgão - Diqua, estão lavrando os autos de infração, termos de apreensão e embargos.

A Diqua está realizando o levantamento de todos os ingredientes ativos registrados no Brasil para a produção de agrotóxicos, para que seja possível proceder a reavaliação daqueles que possuam grandes riscos ambientais. A reavaliação de agrotóxicos é um processo contínuo para aperfeiçoar os mecanismos de controle relacionados à segurança ambiental do uso desses produtos.

Fonte: Estadão em 08/10/2009


Leia Mais:


Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Cardoso e L&C Soluções Socioambientais.

Siga-nos Twiiter rss Facebook "Whatsapp 88 9700 9062" Google+