Mosquitos com bactérias especiais Wolbachia lutarão contra o vírus da dengue na Malásia

Esta aplicação foi testada em Selangor em 2017, onde os casos foram reduzidos pela metade


Na Malásia serão implantados os mosquitos injetados com a bactéria Wolbachia especial para destruir os mosquitos infectados com a dengue diante do aumento de casos em todo o país.

O ministro da Saúde Dzulkefly Ahmad destacou que o projeto foi testado pela primeira vez na província de Selangor em 2017 e, assim, contribuiu para reduzir ao máximo os casos de dengue na área. O ministro da Malásia salientou o aumento de 92,4% nos casos de dengue em todo o país nos primeiros 6 meses de 2019: "Este ano em todo o país entre 1 de Janeiro e 29 de Junho 93 mortes e 62.421 casos de dengue ocorreram. No mesmo período do ano passado houve 53 mortes entre 32.435 casos ".

Dzulkefly afirmou que utilizarão os mosquitos com bactérias Wolbachia contra o aumento dos casos de dengue: "Esses mosquitos com Wolbachia tanto destruirão os mosquitos com dengue como poderão reduzir o uso de inseticidas que influenciam na saúde humana".

O ministro da Malásia tem enfatizado que a Malásia é o segundo país a aprovar a estratégia de controle biológico contra a dengue depois da Austrália e salientou que os mosquitos serão lançados em cada província em setembro.

O vírus da dengue é transmitido por mosquitos.

A doença que causa febre não forte após um período de incubação, em alguns casos pode ser fatal. Os casos aumentam em junho, setembro, dezembro e março, que são os períodos chuvosos.

Fonte:TRT(tr) em 09.07.2019

Etiquetas (Categorias - tags)

Leia Mais:



SIGA-NOS

TwiiterfeedFacebook"Whatsapp 88 9700 9062"InstagrampinterestlinkedinYoutube