Tocantins fomenta o cultivo de flores

Palmas/TO - Com a proposta de fomentar a produção de flores no Tocantins, especialmente as tropicais, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seagro), Adapec e Ruraltins, Sebrae, Prefeitura de Palmas, produtores rurais e empresários do setor se reuniram, ontem, 25 de maio. O grupo visa promover o desenvolvimento deste segmento no Estado, iniciando com a organização de produtores e interessados em uma associação ou cooperativa.

Há dois anos a Seagro iniciou o plantio de algumas variedades em um canteiro demonstrativo no Centro Agrotecnológico de Palmas, onde se realiza a Feira de Tecnologia Agropecuária, Agrotins. “Pudemos comprovar que as condições edafoclimáticas (solo e clima) do Tocantins são favoráveis ao cultivo de flores, resta, agora, unir forças para aproveitar o potencial existente”, destaca o coordenador de Fomento Vegetal da Seagro, Luiz Vieira.
Variedades de gêneros como Gingers (sorvetão, alpínea, bastão do imperador), Helicônias (bihai, wagneriana, raulínia), musáceas, horquidáceas, bromeliáceas, entre outros, estão entre as que tiveram êxito na produção.

O grupo pretende, por meio de visitas aos produtores e interessados, fazer uma catalogação das variedades cultivadas no Estado. Outra ação é a implantação de um viveiro comunitário, com mudas certificadas, para atender aos interessados na produção de flores.

De acordo com Vieira, as variedades cultivadas serão distribuídas entre os produtores, visando um equilíbrio da produção, capaz de atender a demanda do mercado durante o ano inteiro. Empresas de São Paulo e da Europa já sinalizaram a intenção de adquirir produtos do Tocantins.

Ecologicamente correto
O coordenador de Fomento Vegetal destaca que a extração de exemplares da natureza, visando a comercialização e reprodução, é ilegal. “O cultivo será feito com plantas agronomicamente melhoradas”, observa Vieira. Inicialmente, serão adquiridas mudas de outras regiões, dentro de um ano, os primeiros resultados começarão a ser colhidos.

O cultivo de flores é indicado para pequenos produtores, podendo ocupar áreas com pouco mais de um hectare (10 mil m2). Além de um solo rico em material orgânico, o cultivo de flores requer água, tratos culturais específicos e manutenção para evitar doenças

Andréa Luiza Collet

fonte: Governo de Tocantins em 26/5/2004 - 19:32:55

Leia Mais:

Mais notícias   Associe-se