Têxtil de Famalicão tem horta biológica para alimentar funcionários


Uma empresa têxtil de Vila Nova de Famalicão criou uma horta biológica para os funcionários com o objetivo de "ser o suporte" para o almoço diário dos seus 120 colaboradores, informou hoje a câmara de Vila Nova de Famalicão

Em comunicado enviado à agência Lusa, a autarquia explica que a têxtil Scoop - especializada na confeção de vestuário técnico para a prática de desportos de inverno - serve na sua cantina, à hora do almoço, sopa "confecionada com ingredientes frescos da época que são colhidos na horta biológica da empresa, que a administração criou para é dar mais bem-estar aos seus funcionários, estreitar os laços de pertença à empresa e fazer pedagogia alimentar".

A horta biológica está instalada num terreno com cerca de dois hectares junto à unidade fabril e, refere a autarquia, "foi preparada para corresponder aos critérios exigidos pela classificação de produção biológica".

O cultivo dos produtos está a cargo de um novo quadro da empresa, "que foi resgatado do desemprego de longa duração para ganhar uma nova vida", explana o texto.

Os produtos colhidos vão desde batatas, curgetes e alfaces, havendo ainda um canteiro de ervas aromáticas e uma orla arborizada com 120 árvores autóctones, que cada colaborador plantou, estando estas identificadas com o seu respetivo nome.

A Scoop, uma "empresa familiar", foi a responsável pela produção dos equipamentos dos dois atletas que Portugal levou aos Jogos Olímpicos de Inverno deste ano, que se realizaram na Coreia do Sul.

Entre o seu "vasto palmarés de produção de equipamentos" encontram-se também os equipamento para a seleção italiana de esqui e atletas da equipa olímpica da Rússia dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, em Sóchi.

Fonte:Lusa em 21/06/18

Leia Mais:

SIGA NOS