Projeto do SEBRAE-SP incentiva agricultura orgânica

Sete associações de produtores rurais de Itapeva e região, em São Paulo, já estão participando do Projeto de Cadeias de Produtos Orgânicos desenvolvido pelo SEBRAE-SP/Escritório Regional Itapeva, iniciado este ano. No total, 150 produtores estão sendo capacitados para o manejo orgânico.

"Identificamos na região um potencial para a agricultura orgânica devido aos mananciais despoluídos e a própria estrutura fundiária formada por pequenos produtores rurais. Além disso, o mercado de orgânicos cresce de 20% a 30%", comentou Paulo Lúcio Martins, coordenador do Projeto na região de Itapeva.

O SEBRAE-SP/ER Itapeva, em parceria com a Associação de Agricultura Orgânica (AAO) e o Instituto de Biodinâmica (IBD), está disponibilizando técnicos para ensinar os produtores a lidarem com a terra de acordo com as normas do manejo orgânico. O SEBRAE está também articulando as associações no sentido de obterem a certificação necessária para a comercialização dos produtos orgânicos.

Para incentivar o consumo de alimentos orgânicos na região criamos a Barraca Comunitária, que percorrerá várias cidades com os produtos dessas associações", disse o coordenador que também promove encontros na sede do SEBRAE de Itapeva para discutir a agricultura orgânica. No encontro da semana passada, por exemplo, o consultor alemão em agricultura biodinâmica, Christian Von Wistinghausen e o suíço Gerard Bannhart, produtor biodinâmico instalado em Buri, foram os palestrantes convidados.

O SEBRAE de Itapeva monta ainda caravanas para levar os produtores em locais onde a agricultura orgânica está num estágio bastante avançado. É o caso do Sítio São Francisco, em São Roque, que já abastece diversos hipermercados da Capital e até

exporta seus produtos orgânicos.

O Sítio tem interesse em comprar os produtos das associações da região de Itapeva e, para isso, também está oferecendo assistência técnica", conta Paulo Lúcio. No fim de novembro, nova caravana de produtores segue para Campinas a fim de acompanhar o Simpósio sobre Agricultura Orgânica. E toda a região está se mobilizando para que o cultivo orgânico se torna uma realidade rentável. A Biblioteca Municipal de Itapeva, por exemplo, está criando uma área exclusiva com material sobre produção orgânica e alimentação saudável.

O objetivo é que os produtores tradicionais migrem para o cultivo orgânico, mas sempre de uma forma gradual", concluiu o coordenador. Fazem parte do Projeto as Associações de Produtores Orgânicos de Itapeva, Itaporanga, Guapiara, Ribeira, Itapirapuã Paulista, Barra do Chapéu

fonte: SEBRAE/SP 30/10/2001

Leia Mais:

Mais notícias   Associe-se