Produtor de Leite do Estado de São Paulo Mostra por que está aumentando a produção

 

O Programa Técnicas Rurais da TV Canal Rural do dia 13/09/01, reprisado por diversas vezes nos dias e meses seguintes, mostrou os resultados que a Fazenda Germânia - Monte Alto - São Paulo, vem obtendo com um novo modelo de produção que favorece o processo de transição para produção do LEITE ORGÂNICO.

Com um rebanho de 300 vacas Girolandas em lactação, produz atualmente 6.000 litros de leite dia(20 kg vaca dia). Gerenciada pelo Médico Veterinário Dr. Maurício Vital (UNESP JABOTICABAL/1985), filho do Proprietário, a Fazenda utiliza técnicas simples de manejo e CONTROLE BIOLÓGICO, que não agridem os animais nem o meio ambiente, o que possibilitará em futuro próximo, produzir leite orgânico.

Ao contrário do que se costuma dizer que as técnicas para produção de leite orgânico reduziriam a produtividade e aumentariam os custos de produção, os resultados que a Fazenda Germânia está obtendo, desmentem esta afirmativa o que tem motivado o Produtor a pensar em dobrar a produção para os próximos meses.

Os resultados das análises microbiológicas fornecidas pela Nestlé, mostram importante redução na contagem de Células Somáticas/ml. e de UFC/ml.. No depósito de excrementos e sob os diversos bolos fecais examinados nas pastagens, a presença de larvas de moscas é muito reduzida.

Mesmo utilizando silagem de milho ou cana e cevada proveniente de cervejaria o que normalmente são atrativos para moscas, a quantidade desses insetos, mosquitos e pernilongos é incrivelmente baixa em todos os ambientes da Fazenda, dispensando o uso de inseticidas.

O CONTROLE BIOLÓGICO adotado, promove uma completa exclusão competitiva contra E. Colli, Salmonella e Estreptococus fecalis e outros patógenos, reduzindo a ocorrência de mastites em relação aos índices que ocorriam antes da Fazenda utilizar os MICROORGANISMOS BENÉFICOS (não / OGM) fornecidos pela L. AMORIM.

As vacas em lactação recebem uma silagem de milho ou cana em proporção superior aos níveis convencionais e muitos outros detalhes que proporcionam um sabor incrivelmente agradável ao leite produzido.

A silagem de milho que está sendo produzida neste mês de fevereiro/2.002, está recebendo a título experimental os MICROORGANISMOS BENÉFICOS (não/OGM), na expectativa de melhorar ainda mais a digestibilidade e palatabilidade.

Cabe destacar também que não são utilizados antibióticos, tamponantes químicos ou uréia, proibidos na produção orgânica.

Outro fato marcante para quem visita a Fazenda é a ausência total do cheiro característico, normalmente provocado pela amônia excretada, propiciando a valorização dos excrementos (R$60,00 Ton.) para comercialização junto aos Produtores da Agricultura Orgânica.

A urina coletada na ante-sala da sala da ordenha, também encontra mercado junto aos Produtores Orgânicos, que pagam até R$0,40 por litro.

O controle dos carrapatos é feito com vazio sanitário dos pastos infestados, pulverização dos animais com uma solução de folhas moídas de neem a 0,1%, pulverização das pastagens com o Fungo Metarrizo e uma solução homeopática carrapaticida na ração.

Se vocês desejarem confirmar tudo que estou informando e obter outros esclarecimentos que desejarem, estão convidados para conhecer a Fazenda Germânia, ou venham até nosso Escritório, na Av. Major Hilário Tavares Pinheiros, 3277 - Jaboticabal - SP, ( altura do km 340 da Rodovia Faria Lima ), onde lhes serviremos LEITE da referida Fazenda. Para tanto, liguem para 0xx16 3203-1990 ou através de nosso E-mail: [email protected] , poderemos marcar uma visita na Fazenda.

Os Produtores de leite, Cooperativas ou Empresas de Consultoria, Distribuidores e Representantes que desejarem implantar o sistema em suas Fazendas ou Clientes, poderão manter contato com [email protected], ou solicitar orçamento, preenchendo formulário no site www.lamorim.com.br

As Instituições de Ensino e ou Pesquisa que desejarem realizar trabalhos de campo ou mesmo em Laboratório, poderão propor Projetos de Pesquisa para [email protected] .

Caravanas de Estudantes de Veterinária ou Zootecnia acompanhadas de seus Professores ou mesmo Caravanas de Cooperativas de Produtores acompanhadas de seus respectivos Técnicos, poderão também agendar visitas na Fazenda, com antecedência mínima de 30 dias.

CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DO CONTROLE BIOLÓGICO COM O Poliprobiótico ESTIBION PARA TODAS AS CATEGORIAS OU ESPÉCIES ANIMAIS E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS EM www.lamorim.com.br

* Laudemar de Amorim(57) é titular da Empresa L. Amorim-Agroecológica e Industrial desde julho de 1985, anteriormente, atuou durante 15 anos em três das maiores Empresas do setor Veterinário, desempenhando funções nas áreas de venda, treinamento e marketing. Fone: 0xx16 32031990 - E-mail:[email protected]


Leia Mais:



Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Gomes e L&C Soluções Socioambientais

Siga-nos Twiiter rss Facebook Google+