Rodrigues: biocombustíveis são alternativa à crise do petróleo no curto prazo

Brasília - O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, disse estar convencido de que os biocombustíveis vão modificar a agricultura tradicional. Em palestra para técnicos da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), ele acrescentou que "a agroenergia será paradigmática" e disse acreditar que "essa é a alternativa energética para enfrentar a crise do petróleo no curto prazo".

O etanol e o biodiesel, segundo o ministro, são combustíveis pouco poluentes, de baixo custo e ampla produção. "O etanol, por exemplo, ganhou uma dimensão que me preocupa. A demanda cresceu mais depressa que a produção. É um mercado que está crescendo e tem grande futuro", prevê. A produção de combustiveis vegetais, acrescentou, é "uma vocação natural do Brasil".

Rodrigues lembrou que os Estados Unidos e a Alemanha já perceberam a importância estratégica dos biocombustíveis e investem na produção de álcool de milho e de canola, respectivamente.

Sobre a falta de verba para pesquisas, disse ter expectativa de avanços com o setor privado. Nos próximos dias, contou, irá à Nova Zelândia conhecer o sistema de parcerias público-privadas nos agronegócios: "Acredito que possa trazer modelos benéficos para o Brasil."

fonte; Agência Brasileira de Noticias em 25/04/2004 por Lílian de Macedo, Repórter da Agência Brasil

Página Anterior   Associe-se  
Rodapé