Mercado de orgânicos espera negócios no valor de R$ 1 bilhão em 2014

São Paulo, 27 jun (EFE).- O mercado brasileiro de produtos orgânicos espera no próximo ano faturar R$ 2 bilhões, segundo anunciaram os responsáveis da BioBrazil Fair, o maior evento desse setor no Brasil e que começou nesta quinta-feira com expositores nacionais e estrangeiros.

O Instituto de Promoção de Desenvolvimento assinalou que os cálculos para 2014 se sustentam no investimento na área cada vez maior e no surgimento de novas empresas.

A organização da BioBrazil Fair, que vai até o próximo dia 30 de junho, assinalou que 95% dos alimentos orgânicos no Brasil estão em propriedades de pequenos e médios produtores e 60% do faturamento corresponde a exportações.

No mercado global, os orgânicos faturam anualmente negócios no valor de US$ 50 bilhões, segundo os números divulgados na feira.

No Brasil, além disso, existem mais de 11 mil unidades de produção orgânica certificadas e no censo de 2006 foram identificados mais de 90 mil produtores.

A Sociedade Nacional de Agricultura (SNA), que participa da feira, apresentará novos produtos e lançamentos.

A SNA será representada pelo Centro de Inteligência em Orgânicos e a rede Organicsnet, uma plataforma na internet que funciona como ponto de convergência entre empresas interessadas em divulgar seus produtos e marcas ou compartilhar conhecimentos.

A coordenadora do Centro de Inteligência em Orgânicos, Sylvia Wachsner, discursou no fórum sobre alimentos orgânicos como alternativas para consumidores e produtores.

Além de alimentos como sucos, vinhos, óleos e xaropes, as empresas da rede Organicsnet também apresentam produtos de limpeza, com matérias-primas naturais e indicadas para alérgicos.

A feira reúne 120 expositores e uma expectativa de público de mais de 30 mil pessoas, entre produtores, fabricantes, distribuidores e importadores do setor. EFE

Fonte: Agencia EFE em 27/06/2013


Leia Mais:



Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Gomes e L&C Soluções Socioambientais

Siga-nos Twiiter rss Facebook Google+