Maconha apreendida em MS pode ser transgênica

Campo Grande News

Na Operação Aliança, encerrada ontem em Ponta Porã (MS) foram apreendidas sementes e plantas de maconha que podem ser transgênicas. As sementes de uma espécie apelidada de mentolada foram enviadas para análise em laboratório do Distrito Federal.

Esta espécie de planta da maconha teria características específicas, sendo menor que a nativa, com ciclo de crescimento mais rápido (da nativa a média é de seis meses). Ela teria o THC, princípio ativo, mais intenso que a comum, com poder maior sobre o organismo. Não há dados científicos sobre essa espécie, segundo a Polícia Federal. As informações são com base em observações e análises preliminares.

As plantas estavam entre as 112 plantações destruídas em 244 hectares na região Paraguaia do Cerro Corá. A Operação Aliança 11 envolveu policiais federais de Mato Grosso do Sul e Brasília e da Polícia Nacional Paraguaia. De Brasília foram enviados também dois helicópteros e um caminhão traçado, que foi levado até às áreas de plantações.

Este ano foram duas operações Aliança. A meta é que sejam 4 por ano. Para a polícia brasileira entrar no território paraguaio foi preciso a autorização do Congresso daquele país. O encerramento da operação foi ontem, com a presença do superintendente da Polícia em Mato Grosso do Sul, o delegado Wantuir Jacini.

Fonte:Terra Notícias, Sexta, 19 de dezembro de 2003, 16h49 - Biotecnologia

Leia Mais:

Mais Notícias   Associe-se