UE adia decisão sobre rotulagem para OGMs

Bruxelas e São Paulo - A União Européia adiou seu plano de incluir as sementes nas regras de rotulagem de alimentos contendo organismos geneticamente modificados (OGMs) produzidos por empresas como a Monsanto, tolhendo a expansão do mercado de biotecnologia depois de uma paralisação de seis anos. A Comissão Européia pretendia propor que as sementes de milho e de canola convencionais fossem comercializadas com rótulos de transgênicas quando a presença incidental de variedades geneticamente modificadas ultrapassasse determinado nível. Uma proposta preliminar fixara um limite de 0,3%, que grupos ambientais como o Greenpeace disseram ser branda demais, e não voltará a ser analisada por vários meses.

fonte: Gazeta Mercantil em 9/9/2004

Leia Mais:

Mais Notícias   Associe-se