Glifosato é proibido em cidade alemã

KirchheimO município de Kirchheim (Baden-Württemberg) proibiu o uso do agrotóxico Glifosato em suas lavouras. O herbicida é suspeito de causar câncer. Além dele, a cidade também não permite mais o uso dos agrotóxicos Neonecotinóides, que são responsáveis por mortes de abelhas, em terras municipais arrendadas. A decisão foi tomada pelo secretário de agricultura nesta segunda. Ele acatou um pedido do vereador Rüdiger Zwarg, do Partido Verde.

A cidade possui 250 mil metros quadrados de terras municipais arrendadas. O prefeito Maximilian Böltl (CSU) pretende com a medida que nenhum arrendatário utilize glifosato ou neonecotinóides. Entretanto, quando no final do ano os contratos de arrendamento das terras vencem, e devem ser renovados, uma lista vermelha dos agrotóxicos banidos será divulgada. O município deverá atualizar esta lista anualmente. Se as proibições serão efetivamente respeitadas, o município não pode garantir. “É tão difícil quanto para um proprietário controlar se o locatário fuma em sua casa”, afirma Böhlt. Se os infratores vão sofrer consequências, saberemos adiante.

Fonte: Süddeutsche Zeitung em 17-05-201


Leia Mais:


Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Cardoso e L&C Soluções Socioambientais.

Siga-nos Twiiter rss Facebook "Whatsapp 88 9700 9062" Google+