Transposição do Rio São Francisco Receberá Verba*

O projeto de transposição do Rio São Francisco é o que receberá maior verba da União no próximo ano: R$ 300 milhões. O Último Segundo teve acesso ao estudo de impacto ambiental do projeto, entregue ao governo no dia 19 desse mês, e divulga com exclusividade os principais efeitos que a transposição do rio pode trazer para a natureza e as comunidades do entorno

A obras de transposição das águas do Rio São Francisco para o Nordeste brasileiro estão orçadas em 2,8 bilhões de reais e devem ser finalizadas em aproximadamente cinco anos. Só no ano de 2001, o governo destinará R$ 300 milhões ao projeto. 

Antes da licença do Ibama para início das obras, no entanto, técnicos do consórcio Jaakko Poyry-Tahal elaboraram estudo de impacto ambiental (EIA-RIMA), entregue ao governo no último dia 19. 

O Último Segundo obteve acesso ao estudo, que lista 49 impactos sobre fauna, flora e populações da região. Desses, 38 são negativos e incluem perda de habitats e biodiversidade, até aumento da tensão social pela desapropriação de terras. 

Ambientalistas também analisam os benefícios e desvantagens da obra. Segundo o EIA-RIMA, o projeto é viável do ponto de vista ambiental, mas entrevistados do Último Segundo alertam para a importância do acesso das populações tradicionais ao projeto.

Fonte: Portal ùltimo segundo em 21/09 as 11:43h por Heloisa Ribeiro, repórter iG em São Paulo

 
Velho Chico     Associe-se
 

Rodapé