Exemplo de produtor orgânico Carlos e Elaine Blanc

Numa área de 6 mil m2, no Bairro do Embu Mirim, numa área residencial de Itapecerica da Serra, grande São Paulo, fica a Horta da Serra, de propriedade do agrônomo Carlos Blanc e de sua esposa, a bióloga Elaine Blanc. O Sítio está localizado a dois quilômetros da principal rua da cidade. 

A produção é totalmente orgânica e os clientes são valorizados. O casal está instalado na região há quatro anos e desde o início sempre visou a cidade de São Paulo como grande mercado. "O fato de estarmos dentro de um contexto urbano ajuda bastante em vários aspectos, principalmente na economia de combustível", afirma Blanc. Ele conta que faz entregas periódicas em vários mercados de Pinheiros, Perdizes e Moema. Além disso, eles mantém cerca de 20 clientes particulares.

Com auxílio de um funcionário o casal dá conta de toda a chácara. Os produtos são padronizados conforme o gosto do mercado. Vendidos e embalagens rotuladas com o nome de sua empresa eles contam que ainda há muito para crescer. "A chácara ainda pode produzir um pouco mais, mas para isso ainda teremos de investir em infra-estrutura", alega. No ano que passou alguns prejuízos puderam ser contabilizados. Uma forte ventania,, pouco característica na região, arrancou algumas das estufas rasgando todo o filme de cobertura. "São problemas típicos de agricultores e temos de saber lidar com isso", afirma Elaine, que diz preferir a liberdade de sua nova vida ao tempo em que trabalhava "trancada numa sala".

O ritmo rural está apenas na dedicação típica da profissão e na estrada de terra que ainda passa em frente ao portão de entrada. Vista de fora, não dá para diferenciá-la das chácaras . de final de semana que circundam o terreno. A falta de espaço, porém, é compensada pelo uso de estufas que aumentam o ciclo de produção das plantas. "Por se tratar de uma região exatamente entre o rural e o urbano, temos de aproveitar os espaços ao máximo", comenta o agrônomo. Em menos de cinco minutos o agricultor já tem à disposição supermercados, bancos, postos de gasolinas, dentre outros serviços.

"Procuramos aumentar nossa clientela e quando não dermos mais conta, aumentaremos a chácara, só que em outro lugar", completa

Se as coisas andarem como parece, esse dia não está muito longe. Com o aumento dos pedidos, devido à onda de orgânicos que vem se instalando nos últimos tempos, o casal começou afazer parcerias de produção em outras terras. Eles entram com o suporte técnico da produção e, por disso, têm parte dos lucros. Um dos principais parceiros está na cidade vizinha de Embu-Guaçu, este sim com um perfil bem mais rural.

*fonte: Resumio de João Mangabeira  da Rede Agroecologia e extraído da Revista Escala Rural – Ano III, número 18 de 2001.


Leia Mais:



Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Gomes e L&C Soluções Socioambientais

Siga-nos Twiiter rss Facebook Google+