CARTA DE CURITIBA

O Encontro Brasileiro de Prestadores de Serviços do Segmento Florestal , que ocorreu no dia 08 de Agosto de 2004, em Curitiba, Paraná, Brasil, durante a realização do XIII Seminário de Atualização sobre Sistemas de Colheita de Madeira e Transporte Florestal, teve como objetivo principal buscar alternativas para consolidar a terceirização no setor florestal brasileiro, discutindo seus aspectos técnicos, sociais, econômicos e ambientais; promover o levantamento das principais preocupações e estabelecer diretrizes estratégicas de atuação, tendo em vista o processo evolutivo e irreversível da terceirização do setor florestal brasileiro.

O evento contou com a participação de mais de 100 empresas prestadoras de serviços e envolveu certa de 220 profissionais do setor terceirizado florestal. Os coordenadores das regiões norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul apresentaram um diagnóstico da situação atual da terceirização em cada região.

Considerando:

•  Melhorar o relacionamento entre os tomadores de serviços e seus contratados, com maior fidelidade entre as partes;

•  Planejar eficientemente os serviços operacionais contratados a médio e longo prazo;

•  Definir normas técnicas dos produtos e serviços executados pelos contratados;

•  Discutir clara e abertamente tabelas de preços dos serviços contratados, com diferenciação por grau de dificuldade;

•  Necessidade de haver maior profissionalismo das empresas prestadoras de serviços;

•  Atender normas e procedimentos de certificação no âmbito ambiental, social e tecnológico por parte das empresas de prestadoras de serviços;

•  Capacitar administrativa e tecnicamente as empresas e profissionais do segmento terceirizado;

•  Obter maior confiança e reciprocidade dos contratantes e fornecedores dos prestadores de serviços;

•  Viabilizar linhas de crédito especiais para aquisição de novos equipamentos e produtos, visando o desenvolvimento tecnológico do setor;

•  Elaborar e definir planilhas de custos padrão para as diversas atividades operacionais contratadas;

•  Definir critérios objetivos de reajuste de preços nos contratos de serviços de médio e longo prazo;

•  Classificar as empresas prestadoras de serviços por critérios técnicos, sociais, ambientais e trabalhistas;

• Fiscalizar eficientemente as prestadoras de serviços através de órgãos independentes, governamentais ou entidades privadas;

•  Buscar maior representatividade política no âmbito municipal, estadual e federal que defendam os interesses das empresas prestadoras de serviços do segmento florestal;

Foi proposta a criação da Associação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços do Segmento Florestal.

  Para tanto foi criado um Comitê de Trabalho, inicialmente constituído pelos coordenadores das regiões norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul, que ficará responsável pela implementação dos trabalhos iniciais de constituição da nova entidade setorial, ficando agendada a primeira reunião em data e local a ser informada posteriormente aos participantes.

Curitiba, 8 de agosto de 2.004

COORDENAÇÃO DO EVENTO

Informações - Coordenadores Regionais:

  Norte Raimundo Queiroz [email protected]

Nordeste Jean Rocha [email protected]

Centro-oeste Daniel Moura [email protected]

Sudeste Antonio Donizete Alves [email protected]

Sul Osvaldo Fernandes [email protected]

 
Outros Manifestos     Associe-se