Discussões Sobre Utilização de Águas Residuais

 
Discussões da Rede Sobre Utilização de Águas Residuais

Postado em: Quinta-feira, 30 de Julho de 1998 23:32
 
Por:Wagner Okasaki [email protected]
 
Mensagem: Utilização da irrigação no tratamento de águas residuais
 
Autoridades de New Castle, trabalhando junto com os moradores, vêm desenvolvendo um método inovador de tratamento e purificação de águas residuais, que combina a irrigação por aspersão e os processos bioquímicos naturais de reabilitação dos solos. O esgoto residencial e industrial, é filtrado e passa por três lagoas, nas quais o material é submetido a aeração com oxigênio, exposição à luz solar e desinfecção com cloro. Esses tratamentos contribuem para a redução da matéria orgânica e eliminação de coliformes fecais. As partículas acumuladas nos filtros de tela são transportadas para um aterro. Após um período de retenção nas lagoas, parte da água é então aplicada às culturas (milho e pastagens), que utilizam o nitrogênio nela contido. Resíduos orgânicos e inorgânicos são adsorvidos pelo solo. O constante monitoramento da qualidade das águas residuais e subterrâneas, dos solos e das culturas, principalmente no que se refere aos níveis de pH e de nitrogênio, têm confirmado que o método é ambientalmente seguro e eficaz no tratamento final do esgoto residencial e industrial. O volume de água aplicado é controlado de forma a não ultrapassar a demanda de nitrogênio das culturas. Amostras de 14 mananciais de água subterrânea atingiram os padrões de pureza requeridos para água potável.

Postado em: Thu, 30 Jul 1998 23:32:14 -0300 T
 
Por:Wagner Okasaki [email protected]
 
Utilização da irrigação no tratamento de águas residuais
 
Autoridades de New Castle, trabalhando junto com os moradores, vêm desenvolvendo um método inovador de tratamento e purificação de águas residuais, que combina a irrigação por aspersão e os processos bioquímicos naturais de reabilitação dos solos. O esgoto residencial e industrial, é filtrado e passa por três lagoas, nas quais o material é submetido a aeração com oxigênio, exposição à luz solar e desinfecção com cloro. Esses tratamentos contribuem para a redução da matéria orgânica e eliminação de coliformes fecais. As partículas acumuladas nos filtros de tela são transportadas para um aterro. Após um período de retenção nas lagoas, parte da água é então aplicada às culturas (milho e pastagens), que utilizam o nitrogênio nela contido. Resíduos orgânicos e inorgânicos são adsorvidos pelo solo. O constante monitoramento da qualidade das águas residuais e subterrâneas, dos solos e das culturas, principalmente no que se refere aos níveis de pH e de nitrogênio, têm confirmado que o método é ambientalmente seguro e eficaz no tratamento final do esgoto residencial e industrial. O volume de água aplicado é controlado de forma a não ultrapassar a demanda de nitrogênio das culturas. Amostras de 14 mananciais de água subterrânea atingiram os padrões de pureza requeridos para água potável.

Postado em: Fri, 31 Jul 1998 06:21:49 -0300
 
Por:From: "Claudio r. Pedroso" [email protected]
 
Estimado Wagner e todos: Na América Latina ha inúmeras situações que tornam possível a utilização de águas residuais, devidamente tratadas, em irrigação agrícola. Tenho interesse em desenvolver esses assunto em profundidade pela grande necessidade que temos de viabilizar economicamente o tratamento de águas residuais simultaneamente com o aumento de qualidade de vida e do meio ambiente. Os colegas que tiverem interessados podem contatar diretamente meu e-mail para que possamos estudar a viabilidade de pesquisa cooperativa sobre o assunto, ou então, se os demais colegas aceitarem, poderemos ampliar o tema dentro da lista. OK? Um abraço a todos.
 
Claudio Pedroso [email protected]

Postado em:Sat, 01 Aug 1998 15:15:58 -0300
 
Por:[email protected]
 
Prezados Colegas:

Penso que a água será nosso grande limitante do próximo século. Existirão outros limitantes importantes, mas todos conhecem a importância crucial dessa substância.

Em um exercício teórico sobre o aproveitamento do recurso água em domicílios urbanos e rurais, nosso grupo de pesquisa ambiental no PPGEP/UFSC chegou a uma proposta preliminar, que pode oferecer uma alternativa aos modelos propostos para tratamento de águas residuárias ou à ausência de tratamento. A grande ênfase é a agregação de valor aos resíduos, criando-se uma cadeia integrada de produção a partir do esgoto, envolvendo biodigestão, compostagem, vermicompostagem, avicultura e piscicultura. Com a aplicação dessa proposta, espera-se a geração de, no mínimo, cinco produtos comerciais. Tudo isso a partir de um "problema" ambiental dos mais sérios que é o esgoto doméstico. Algumas premissas básicas da proposta são a educação para o uso da água, a segregação de redes sanitárias e pluviais e a quebra de resistências das autoridades. Não mencionei nenhuma tecnologia inovadora ou de alto custo porque não se aplica ao caso, intencionalmente. Antecipo que críticas serão bem vindas e consideradas como contribuição ao trabalho. Finalmente, gostaria de submeter aos membros dessa lista essa proposição de forma mais detalhada, esperando do Cristiano a sugestão da melhor forma de distribuir alguns gráficos explicativos aos membros da lista.

 
Obrigado pela atenção de todos Alexandre Leripio Pesquisador - GAV/PPGEP/UFSC

Postado em: Sat, 1 Aug 1998 19:33:45 -0300
 
Por:"Cecy Hirano" [email protected]
 
Prezado Aleripio e demais participantes Acho que esta questão do recurso água é fundamental não somente para a área agrícola mas para todas as atividades econômicas e até para a sobrevivência da própria espécie humana. Os especialistas internacionais já concluíram que o principal problema ambiental do próximo século será a água. Hoje mais de 80 países do mundo, inclusive Índia e China estão com problemas de qualidade da água por causa dos despejos de esgoto. Recentemente foi descoberto que um imenso lago russo está completamente contaminado por resíduos nucleares. Na tentativa de conter a contaminação o lago foi atulhado com pedras e concreto e o resultado foi o pior possível: a contaminação foi empurrada para o subsolo e está se espalhando pelos Montes Urais em direção ao Oceano Ártico. Há centenas de informações como estas circulando no mundo. Aqui no Brasil ainda achamos que a água é abundante e um "dom"divino. No RGS estamos caminhando para a tarifação pelo uso mas a classe agrícola já começa a berrar exigindo subsídios. Seria interessante que se dessem conta de que são os maiores usuários e deveriam ser os maiores interessados em uso racional. Sou jornalista e tenho especial interesse especialmente em pesquisas de uso racional de água, reuso e reciclagem. Quem tiver informações sobre essa área me envie que posso divulgar em revistas técnicas e na imprensa em geral
 
Cecy Hirano Assessoria de Comunicação Corsan -Porto Alegre- RS Cecy Hirano [email protected]

Postado em: 01 Aug 1998 22:48:33 -0300
 
Por: Cristiano Cardoso Gomes [email protected]
 
Creio que podemos ampliar a discussão na lista. Até por que estudo já indicam que a água será um dos grandes problemas do próximo milênio. Dessa forma só poderemos trabalhar uma agricultura consciente, se tivermos clareza dos problemas existentes na utilização e manejo de tal recurso.
 
Atenciosamente, Cristiano Cardoso


Leia Mais:



Rede de Agricultura Sustentável
É um serviço de Cristiano Gomes e L&C Soluções Socioambientais

Siga-nos Twiiter rss Facebook Google+