Projeto que visa criar biocombustível a partir de plantas aquáticas será apresentado esta semana

Pesquisa envolverá três anos de estudo e será desenvolvida pelo ISI Biomassa em parceria com empresa chinesa

O Instituto Senai de Inovação em Biomassa (ISI Biomassa) em parceria com a empresa chinesa CTG Brasil irá apresentar um novo projeto está semana que envolve a produção de biocombustível no país. Chamado de “Macrofuel: Aproveitamento Energético de Bio-Óleo Pirolítico de Macrófitas Aquáticas para Produção de Biocombustível”, o projeto visa alavancar a produção de combustível renovável através de plantas aquáticas.

A iniciativa pretende estudar o aproveitamento energético do bioproduto gerado a partir de macrofitas aquáticas, uma espécie de planta que vive na água e que se não tratada pode gerar um problema maior. Dentre as ações do projeto estão previstos o mapeamento, monitoramento e também a identificação do material.

De acordo com o ISI Biomassa a pesquisa será trabalhada durante três anos e o investimento total está previsto em 4,6 milhões de reais. A parceria entre o instituto e a empresa privada tem o objetivo de gerar biocombustível a partir de macrofitas e também trabalhar a integração de processos com a aplicação do conceito de bioeconomia.

O projeto será apresentado na próxima quinta-feira, 11 de julho, na sede do Instituto em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul.

Fonte: Portal Biomassa BR em 09-07-2019

Etiquetas (Categorias - tags)

Leia Mais:



SIGA-NOS

TwiiterfeedFacebook"Whatsapp 88 9700 9062"pinterestlinkedinInstagramYoutube