Controle alternativo da cochonilha de escamas (Diaspis echinocacti) na palma forrageira¹

Wallace Jordane Silva de Souza², Washington Benevenuto de Lima³, Múcio Freire Vieira*, João Batista Taveira de Freitas**, Jacinto de Luna Batista***, José Jonas Duarte****

¹Pesquisa
²Pesquisador bolsista MCTI/INSA. Email: [email protected]
³Pesquisador bolsista MCTI/INSA. Email: [email protected]
*Pesquisador bolsista MCTI/INSA. Email: [email protected]
**Pesquisador bolsista MCTI/INSA. Email: [email protected]
***Professor UFPB/CCA. Email: [email protected]

****Professor UFPB/CCA. Email: [email protected]

Resumo: A palma forrageira é uma planta cactácea de fundamental importância nos diversos sistemas de produção agropecuária do semiárido brasileiro. Apesar de sua grande relevância, esta espécie vegetal vem sendo comprometida pela espécie de inseto-praga Diaspis echinocacti, conhecida vulgarmente por cochonilha de escamas, “mofo”; “lêndea” ou “doença”. Dentre os métodos alternativos, os óleos vegetais apresentam-se como eficaz na redução populacional de pragas em diversas culturas. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência de óleos vegetais, óleo de girassol; óleo de gergelim; óleo de eucalipto; óleo de semente de uva; óleo de hortelã e óleo de algodão, todos na concentração de 1%, aplicados em cladódios de palma infectado por D. echinocacti. A pesquisa foi conduzida no laboratório Miguel Arraes do Instituto Nacional do Semiárido (INSA). As raquetes de palmas coletadas foram da variedade baiana ou IPA Sertânea (Nopalea sp.) do campo de pesquisa experimental do INSA, Campina Grande/Paraíba. Utilizou-se o Delineamento Inteiramente Casualizado composto por sete tratamentos e uma testemunha sem aplicação de produtos, com seis repetições para cada tratamento. O óleo de algodão controlou eficazmente a cochonilha de escamas com apenas uma aplicação, já o óleo de girassol e óleo de gergelim apresentaram-se eficazes após a segunda aplicação.

Versão completa da pesquisa

[Banco de Dados]

Orgânico

Banco Central     Associe-se

Rodapé